Ainda relendo esta semana. Em geral não gosto do que faz Neil Gaiman mas com “The Sandman” acontece-me o mesmo que com “Mafalda”, “Watchmen”, “Non Non Bâ” e tantos outros: passam os anos e podo reler e sei que vou desfrutar.